Confira os musicais que encerram sua temporada em fevereiro

O MdM separou cada espetáculo com sua respectiva data de término da temporada para que você, não perca nenhum! Confira!

O mês de fevereiro também marca o fim de diversas temporadas dos espetáculos em cartaz nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, encerrando o período de férias e já dando boas vindas para as próximas produções que começaram os ensaios em janeiro e têm suas estreias marcadas para março!

Sendo assim, a gente separou cada espetáculo com sua respectiva data de término da temporada para que você, caro leitor do Mundo dos Musicais, não perca nenhum! Enão se aliga aí na lista:

SÃO PAULO

CARGAS D’ÁGUA – ATÉ 17/02

Parte integrante da mostra “Arte é Progesso” produzida por Luiza Porto e Vítor Rocha através da Encanto Artístico e da Enxame Produções Culturais. O espetáculo faz sua última apresentação no dia 17 de fevereiro, quinta às 20h30 no Teatro Viradalata.
Sessão: Quinta às 20h30

Foto: Victor Miranda

NOITE DE PATROA – ATÉ 18/02

Depois da estreia em Poços de Caldas/MG, o musical “Noite de Patroa“, produção da LAB Cultural. Com canções de Marília Mendonça, Naiara Azevedo, Simone e Simaria entre outras vozes femininas poderosas, o espetáculo traz uma reflexão profunda sobre respeito, amor próprio e empatia de forma leve e divertida e de fácil identificação. O espetáculo faz sua última apresentação no dia 18 de fevereiro, sexta às 20h30.
Sessão: Sexta às 20h30

Compre seu ingresso com 35% de desconto*! Clicando aqui.
*Pra efetivar o desconto váliso somente para o ingresso do tipo inteira e não cumulativo com outras descontos, basta entrar no link acima, selecionar o assento e preço promocionar e digitar no check out da compra o código: MUNDOMUSICAIS35. Ou, apresentar o flyer na bilheteria do Teatro Liberdade.

Divulgação

SE ESSA LUA FOSSE MINHA – ATÉ 18/02

Parte integrante da mostra “Arte é Progesso” produzida por Luiza Porto e Vítor Rocha através da Encanto Artístico e da Enxame Produções Culturais. O espetáculo faz sua última apresentação no dia 18 de fevereiro, sexta às 20h30 no Teatro Viradalata.
Sessão: Sexta às 20h30

Foto: Victor Miranda

O MÁGICO DI Ó – ATÉ 19/02

Parte integrante da mostra “Arte é Progesso” produzida por Luiza Porto e Vítor Rocha através da Encanto Artístico e da Enxame Produções Culturais. O espetáculo faz sua última apresentação no dia 19 de fevereiro, sábado às 20h30 no Teatro Viradalata.
Sessão: Sábado às 20h30

Foto: Victor Miranda

NAKED BOYS SINGING! – ATÉ 20/02

Depois de uma primeira temporada esgotada (literalmente), o musical Naked Boys Singing encerra sua segunda temporada de sucesso já com data marcada para retornar. A partir de 11 de março no Rio de Janeito. Enquanto isso, em São Paulo, o espetáculo se despede no dia 20 de fevereiro.
Sessões: Sexta às 21h, Sábado às 21h e Domingo às 19h.

AS CANGACEIRAS, GUERREIRAS DO SERTÃO – ATÉ 20/02

O musical conta a história de um grupo de mulheres que se rebelam contra mecanismos de opressão que encontravam dentro do próprio cangaço. Além de reflexões sobre o conceito de justiça social que o cangaço representava, o espetáculo reflete sobre as forças do feminino nesse espaço de libertação e sobre nossa ideia de cidadania e heroísmo. A temporada paulista segue até o próximo dia 20 de fevereiro.
Sessões: Sexta às 21h, Sábado às 21h00 e Domingo às 19h

Foto: Priscila Prade

BOM DIA SEM COMPANHIA – ATÉ 20/02

Parte integrante da mostra “Arte é Progesso” produzida por Luiza Porto e Vítor Rocha através da Encanto Artístico e da Enxame Produções Culturais. O espetáculo faz sua última apresentação no dia 20 de fevereiro, domingo às 20h30 no Teatro Viradalata.
Sessão: Domingo às 20h30

Divulgação

BRILHA LA LUNA – ATÉ 22/02

Produzido pelaLAB Cultural e Incena, o musical “Brilha La Luna” se despede de São Paulo no próximo dia 22 de fevereiro, no Teatro Liberdade. E atenção, fãs do Rouge: na sessão do dia 21 de fevereiro a atriz e cantora Li Martins (ex-Rouge) fará uma participação especial no espetáculo como a personagem Theodora!
Sessões: Segundas às 20h30 e Terças às 20h30

Compre seu ingresso com 35% de desconto*! Clicando aqui.
*Pra efetivar o desconto váliso somente para o ingresso do tipo inteira e não cumulativo com outras descontos, basta entrar no link acima, selecionar o assento e preço promocionar e digitar no check out da compra o código: MUNDOMUSICAIS35. Ou, apresentar o flyer na bilheteria do Teatro Liberdade.

Divulgação

ASSASSINATO PARA DOIS – ATÉ 23/02

Produzido pela Morente Forte, com direção de Zé Henrique de Paula e direção musical de Fernanda Maia, a montagem traz Thiago PerticarrariMarcel Octavio no elenco. O musical encerra sua temporada no próximo dia 22 de fevereiro, no Teatro das Artes.
Sessões: Terça às 20h e Quarta às 20h.

Foto: Caio Galucci

CONSERTO PARA DOIS – ATÉ 27/02

Produzido pela Raia Produções, o musical conta apenas com Claudia Raia e Jarbas Homem de Mello no elenco e participação especial do maestro Guilherme Terra. Sua temporada vai até o dia 27 de fevereiro, no Teatro Procópio Ferreira.
Sessões: Sextas às 21h, Sábados às 21h e Domingos às 18h

Foto: Lucas Ramos | AgNews

A HORA DA ESTRELA OU O CANTO DE MACABÉA – ATÉ 27/02

O espetáculo tem Laila Garin como Macabéa, a mítica protagonista do aclamado romance, ao lado de Claudia Ventura e Claudio Gabriel. Sua temporada paulista segue em cartaz até o dia 27 de fevereiro, no Sesc Santana.
Sessões: Sextas às 21h, Sábados às 21h e Domingos às 18h

Foto: Beto Martins

RIO DE JANEIRO

A COR PÚRPURA – ATÉ 20/02

Depois de temporadas de sucesso no Rio e São Paulo, produzido pela Estamos Aqui Produções, o musical encerra suas aprensentações no Rio de Janeiro em 20 de fevereiro no Teatro Riachuelo e já têm turnê divulgada, passando pelas cidades de Curitiba (PR), Ribeirão Preto (SP), Belo Horizonte (MG), Santos (SP), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS), Campinas (SP) e Salvador (BA).
Sessões: Quintas às 20h, Sextas às 20h, Sábados às 16h e 20h30 e Domingos às 18h

Foto: Rafael Nogueira

CINDERELLA, O MUSICAL DA BROADWAY – ATÉ 20/02

Com produção da Touchè Entreterimento, o musical Cinderella encerra sua temporada na cidade do Rio de Janeiro no próximo domingo, dia 20 de fevereiro de 2022 no Teatro Multiplan (antigo Teatro Bradesco Rio).
Sessões: Quinta e Sexta às 14h e 19h, Sábado às 11h e 16h e Domingo às 15h e 21h

Cena do musical “Cinderella” | Foto: Priscila Prade

COPACABANA PALACE – O MUSICAL – ATÉ 20/02

Com Suely Franco, Vannessa Gerbelli e Claudio Lins protagonizando o espetáculo, Copacaban Palace – o musical encerra sua temporada também no próximo dia 20 de fevereiro no Teatro Copacabana Palace.
Sessões: Quinta às 19h, Sexta às 19h, Sábado às 19h e Domingo às 19h

Divulgação

[EXCLUSIVO] Confira “Popstar” com Li Martins, em Brilha La Luna

No dia 01 de fevereiro, o Mundo dos Musicais gravou com exclusividade uma cena de “Brilha La Luna” com a participação especial da ex-rouge Li Martins,

No dia 01 de fevereiro, o Mundo dos Musicais gravou com exclusividade uma cena de “Brilha La Luna” com a participação especial da ex-rouge Li Martins, confira a seguir. Lembrando que o espetáculo está em cartaz no Teatro Liberdade com sessões às segundas (20h30) e terças (20h30) e você pode comprar seus ingressos clicando aqui.

Além de sua trajetória no RougeLi Martins participou de programas de TV e foi campeã do reality show “Famosas em Apuros”. Também participou de quadros do Programa Raul Gil, Power Couple e muitos outros. No teatro musical, destacam-se trabalhos relevantes nos musicais “Miss Saigon“, como a protagonista Kim sobre produção da Time For Fun, “A Bela e a Fera” como o papel-título Bela, também da produtora T4F e “Jekyll & Hyde – O Médico e o Monstro“, como Emma Carrew cover.

FICHA TÉCNICA

IDEIA ORIGINAL: Diego Montez
TEXTO: Juliano Marceano
DIREÇÃO DE REMONTAGEM: Ana Elisa Mattos e Diego Montez
BASEADO NA DIREÇÃO ORIGINAL DE: Pedro Rothe
DIREÇÃO MUSICAL ORIGINAL: Tony Lucchesi
COREOGRAFIAS: Victor Maia
FIGURINOS: Ana Elisa Schumacher
CENOGRAFIA: Higor Valentini
DIREÇÃO DE ARTE Eduardo Ekermann
RELAIZAÇÃO: LAB CULTURAL 

ELENCO: Marcella Bartholo, Pamella Machado, Robson Lima, Julia de Aquino, Carol Vanni, Amanda Doring, Diego Martins, Bruno Boer, Matheus Paiva, Fernanda Gabriela, João Felipe Saldanha, Guilherme Lopez, Alicio Zimmerman, Laura Loup, Ísis Mendonça, João Lucas Martins, Yasmin Lifer, Luke Lima e Larissa Noel.

EX-ROUGE LI MARTINS FARÁ PARTICIPAÇÃO ESPECIAL NO MUSICAL “BRILHA LA LUNA” EM 01 e 21 DE FEVEREIRO

O musical Brilha la Luna, inspirado nas músicas do grupo Rouge, contará com a participação especial da atriz e cantora Li Martins, uma das ex-integrantes do grupo, nas sessões dos dias 01 e 21 de fevereiro.

Foto: Divulgação

O musical Brilha la Luna, inspirado nas músicas do grupo Rouge, contará com a participação especial da atriz e cantora Li Martins, uma das ex-integrantes do grupo, nas sessões dos dias 01 e 21 de fevereiro

O espetáculo está em cartaz no Teatro Liberdade desde o dia 24 de janeiro com sessões às segundas (20h) e terças (20h30) e os ingressos podem ser adquiridos pela Sympla no link: https://bileto.sympla.com.br/event/70833/d/120869.  

Além de sua trajetória no Rouge, Li Martins participou de programas de TV e foi campeã do reality show “Famosas em Apuros”. Também participou de quadros do Programa Raul Gil, Power Couple e muitos outros. No teatro musical, destacam-se trabalhos relevantes nos musicais “Miss Saigon“, como a protagonista Kim sobre produção da Time For Fun, “A Bela e a Fera” como o papel-título Bela, também da produtora T4F e “Jekyll & Hyde – O Médico e o Monstro“, como Emma Carrew cover.

SOBRE O ESPETÁCULO

O musical, que fez uma temporada de sucesso em 2019 no Rio de Janeiro (Teatro Prudential), é  uma produção da Lab Cultural, tem texto de Juliano Marceano, direção original de Pedro Rothe (Elis – A Musical), direção musical e arranjos de Tony Lucchesi (Bibi – Uma Vida em Musical) e coreografias de Victor Maia (Meu Destino é Ser Star). Os figurinos são assinados por Ana Elisa Schumacher (Noite de Patroa) e a cenografia por Higor Valentini. A ideia, segundo os idealizadores, nasceu antes mesmo da volta do grupo em 2013.

A ideia surgiu faz tempo. Uma das minhas melhores amigas, que é atriz e estava fazendo novela comigo na época, viveu em uma comunidade hippie até seus 16 anos sem acesso algum à tecnologia ou à cultura pop. Aquela história ficou tanto na minha cabeça que comecei a rascunhar a ideia de uma peça sobre essa garota que passa uma vida em uma aldeia afastada da cidade e cai de paraquedas no mundo frenético da televisão. No café onde eu escrevia o nome das primeiras personagens tocou Ragatanga. Foi ali que me ocorreu que “Aserejé” é um nome ótimo para uma comunidade alternativa e que esse tal ‘Diego’ que vira a esquina podia ser um mochileiro que apresenta todo esse universo a essa garota. Me juntei com o Juliano (Marceano, autor do texto) e começamos a desenvolver a dramaturgia em cima do repertório que a gente conhecia de cor: éramos fãs da banda de dormir na porta do estádio para ir no show”, diz Diego Montez, um dos idealizados do espetáculo. 

Foi um dos momentos mais tocantes da trajetória da peça. Apresentamos, em 2017, uma leitura para elas e foi um momento muito lindo de troca. Elas se emocionaram, agradeceram o carinho e homenagem e se demonstraram muito abertas na época. Ter a bênção das cinco seria essencial”, completa Diego.   

Uma das razões do Rouge ser a escolha para o espetáculo foi que, além de ser um dos maiores grupos pop do Brasil, é também o motivo que torna tão fácil escrever uma dramaturgia sobre, elas falavam para todos e por todos.

O espetáculo tem como premissa convidar a família toda, fãs do grupo e fãs de musicais a refletirem de maneira leve sobre sonoridade, diversidade e o poder dos sonhos. Tudo que as meninas passaram em suas músicas e a que são causas tão urgentes hoje em dia. A maioria dos hits do Rouge estará presente em 1h30 de espetáculo.

O elenco de Brilha la Luna é composto por nomes conhecidos de teatro musical em seu elenco protagonista e jovens talentos estreantes que ajudam a contar a peça. A protagonista, Marcella Bartholo, foi selecionada por meio de um reality show, assim como as Rouge, entre quase 700 garotas.

SINOPSE

A história tem como base a personagem Luna, que dá nome ao espetáculo, uma jovem que viveu toda sua vida na Comunidade de Arerejé, um refúgio hippie criado por seus pais escondido das grandes metrópoles. Ela vive uma vida tranquila, mas ao completar 18 anos, se vê órfã e sente que falta algo em toda aquela perfeição. É aí que ele vira a esquina…

Diego, um mochileiro que está de passagem pela comunidade encanta Luna levando-a a acreditar que finalmente encontrou a última parte que precisava pra completar a vida perfeita.

Quando Diego parte de Aserejé, ela descobre que o endereço do garoto na cidade grande é o mesmo estampado em cartas que seu pai, então líder da comunidade, recebia enquanto vivo. Luna decide segui-lo atrás de respostas com a ajuda de Pedro, seu melhor amigo secretamente apaixonado por ela.

Luna continuará em busca de respostas sobre quem ela realmente é ou irá se esquecer de tudo para se tornar a nova estrela da música.

Confira o Instagram de Brilha la Luna: https://www.instagram.com/brilhalalunaomusical/

FICHA TÉCNICA

IDEIA ORIGINAL: Diego Montez

TEXTO: Juliano Marceano

DIREÇÃO DE REMONTAGEM: Ana Elisa Mattos e Diego Montez

BASEADO NA DIREÇÃO ORIGINAL DE: Pedro Rothe

DIREÇÃO MUSICAL ORIGINAL: Tony Lucchesi

COREOGRAFIAS: Victor Maia

FIGURINOS: Ana Elisa Schumacher

CENOGRAFIA: Higor Valentini

DIREÇÃO DE ARTE Eduardo Ekermann

RELAIZAÇÃO: LAB CULTURAL 

ELENCO: Marcella Bartholo, Pamella Machado, Robson Lima, Julia de Aquino, Carol Vanni, Amanda Doring, Diego Martins, Bruno Boer, Matheus Paiva, Fernanda Gabriela, João Felipe Saldanha, Guilherme Lopez, Alicio Zimmerman, Laura Loup, Ísis Mendonça, João Lucas Martins, Yasmin Lifer, Luke Lima e Larissa Noel.

Ao som das músicas do grupo Rouge, musical “Brilha La Luna” estreia em São Paulo no dia 24 de janeiro

Os fãs da música pop têm mais uma razão para comemorar. Em curtíssima temporada, no Teatro Liberdade (SP), o espetáculo Brilha la Luna estreia ao som das músicas do grupo Rouge.

O musical, que fez uma temporada de sucesso em 2019 no Rio de Janeiro (Teatro Prudential), é  uma produção da Lab Cultural, tem texto de Juliano Marceano, direção original de Pedro Rothe (Elis – A Musical), direção musical e arranjos de Tony Lucchesi (Bibi – Uma Vida em Musical) e coreografias de Victor Maia (Meu Destino é Ser Star). Os figurinos são assinados por Ana Elisa Schumacher (Noite de Patroa). A ideia, segundo os idealizadores, nasceu antes mesmo da volta do grupo em 2013.

A ideia surgiu faz tempo. Uma das minhas melhores amigas, que é atriz e estava fazendo novela comigo na época, viveu em uma comunidade hippie até seus 16 anos sem acesso algum à tecnologia ou à cultura pop. Aquela história ficou tanto na minha cabeça que comecei a rascunhar a ideia de uma peça sobre essa garota que passa uma vida em uma aldeia afastada da cidade e cai de paraquedas no mundo frenético da televisão. No café onde eu escrevia o nome das primeiras personagens tocou Ragatanga. Foi ali que me ocorreu que “Aserejé” é um nome ótimo para uma comunidade alternativa e que esse tal ‘Diego’ que vira a esquina podia ser um mochileiro que apresenta todo esse universo a essa garota. Me juntei com o Juliano (Marceano, autor do texto) e começamos a desenvolver a dramaturgia em cima do repertório que a gente conhecia de cor: éramos fãs da banda de dormir na porta do estádio para ir no show”, diz Diego Montez, um dos idealizados do espetáculo. 

Brilha la Luna acontece no Teatro Liberdade, às segundas (20h), a partir de 24 de janeiro. Os ingressos da curta temporada custam a partir de R$40 e estão disponíveis para venda pela Sympla – https://bileto.sympla.com.br/event/70833/d/120868 – e bilheteria do teatro. Mais informações no serviço.

A história tem como base a personagem Luna, que dá nome ao espetáculo, uma jovem que viveu toda sua vida na Comunidade de Arerejé, um refúgio hippie criado por seus pais e escondido das grandes metrópoles. Ela vive uma vida tranquila, mas ao completar 18 anos, se vê órfã e sente que falta algo em toda aquela perfeição. É aí que ele vira a esquina, vê Diego e toda a história começa. O espetáculo passou pelo aval das integrantes do Rouge em 2017 e foi aprovado de cara.

Foi um dos momentos mais tocantes da trajetória da peça. Apresentamos, em 2017, uma leitura para elas e foi um momento muito lindo de troca. Elas se emocionaram, agradeceram o carinho e homenagem e se demonstraram muito abertas na época. Ter a bênção das cinco seria essencial”, completa Diego.   

Uma das razões do Rouge ser a escolha para o espetáculo foi que, além de ser um dos maiores grupos pop do Brasil, é também o motivo que torna tão fácil escrever uma dramaturgia sobre, elas falavam para todos e por todos.

O espetáculo tem como premissa convidar a família toda, fãs do grupo e fãs de musicais a refletirem de maneira leve sobre sonoridade, diversidade e o poder dos sonhos. Tudo que as meninas passaram em suas músicas e a que são causas tão urgentes hoje em dia. A maioria dos hits do Rouge estará presente em 1h30 de espetáculo.

O elenco de Brilha la Luna é composto por nomes conhecidos de teatro musical em seu elenco protagonista e jovens talentos estreantes que ajudam a contar a peça. A protagonista, Marcella Bartholo, foi selecionada por meio de um reality show, assim como as Rouge, entre quase 700 garotas.

Sinopse

A história tem como base a personagem Luna, que dá nome ao espetáculo, uma jovem que viveu toda sua vida na Comunidade de Arerejé, um refúgio hippie criado por seus pais escondido das grandes metrópoles. Ela vive uma vida tranquila, mas ao completar 18 anos, se vê órfã e sente que falta algo em toda aquela perfeição. É aí que ele vira a esquina…

Diego, um mochileiro que está de passagem pela comunidade encanta Luna levando-a a acreditar que finalmente encontrou a última parte que precisava pra completar a vida perfeita.

Quando Diego parte de Aserejé, ela descobre que o endereço do garoto na cidade grande é o mesmo estampado em cartas que seu pai, então líder da comunidade, recebia enquanto vivo. Luna decide segui-lo atrás de respostas com a ajuda de Pedro, seu melhor amigo secretamente apaixonado por ela.

Luna continuará em busca de respostas sobre quem ela realmente é ou irá se esquecer de tudo para se tornar a nova estrela da música.

Confira o Instagram de Brilha la Luna: https://www.instagram.com/brilhalalunaomusical/

Ficha Técnica (Temporada São Paulo):

ELENCO: Marcella Bartholo, Pamella Machado, Robson Lima, Julia de Aquino, Carol Vanni, Amanda Doring, Diego Martins, Bruno Boer, Matheus Paiva, Fernanda Gabriela, João Felipe Saldanha, Guilherme Lopez, Alicio Zimmerman, Laura Loup, Ísis Mendonça, João Lucas Martins, Yasmin Lifer, Luke Lima e Larissa Noel.

IDEIA ORIGINAL: Diego Montez
TEXTO: Juliano Marceano
DIREÇÃO DE REMONTAGEM: Ana Elisa Mattos e Diego Montez
BASEADO NA DIREÇÃO ORIGINAL DE: Pedro Rothe
DIREÇÃO MUSICAL ORIGINAL: Tony Lucchesi
COREOGRAFIAS: Victor Maia
FIGURINOS: Ana Elisa Schumacher
CENOGRAFIA: Higor Valentini
DIREÇÃO DE ARTE Eduardo Ekermann
RELAIZAÇÃO: LAB CULTURAL 

Serviço
Data: 24/01/22 – Estreia – Curta Temporada
Horário: 20h
Duração: 100 min
Gênero: Teatro Musical
Classificação: Livre
End: Rua São Joaquim nº129 – Liberdade – São Paulo
Local: Teatro Liberdade
Abertura da casa: 1h antes do início do evento

‘O Dia dos Musicais’ chega ao Rio de Janeiro pela primeira vez em sua 5ª edição

Evento que reúne profissionais, estudantes e fãs de teatro musical fecha parceria com a ONG Nós do Morro e apresenta uma exclusiva programação cultural e educativa na cidade.

Continue Lendo “‘O Dia dos Musicais’ chega ao Rio de Janeiro pela primeira vez em sua 5ª edição”

“Brilha La Luna” – musical baseado nas músicas do Rouge está sendo produzido

Segundo o empresário Pablo Falcão, a banda, que realizou um retorno triunfal com shows esgotados em todo o Brasil e um novo single, também prepara um musical inspirado nas músicas da banda. As informações são do Portal Popline.
Continue Lendo ““Brilha La Luna” – musical baseado nas músicas do Rouge está sendo produzido”